quarta-feira, setembro 05, 2012

Poesia e religião

1. A oração é um departamento desesperado da Poesia, aquele que, reconhecendo na Palavra um princípio de ação, quer agir na parte do real onde nenhum humano pode agir.

2. A poética é uma religião laica e privada, através da qual cada autor se entrega à devoção dos seus templos, lugares e objetos sagrados (tabernas, rapazes, o mar, a máquina, whatever). Sagrado no sentido, contudo, oposto ao que a religião lhe atribui: não é sagrado o que não se pode tocar, mas aquilo de cujo toque se espera alguma forma de plenitude. Talvez por isso eu não consiga apreciar Walt Whitman: ele espera tudo de todos os seres.

Sem comentários: