quinta-feira, novembro 26, 2009

Política sexual

Se me quiseres, quero-te em privado; caso contrário, defendo a nacionalização.

Sem comentários: