quarta-feira, outubro 15, 2008

Nota sobre a demência

Temos sempre a noção de que a nossa época é mais demencial do que as anteriores (precisamente porque, dado o contágio do contexto, nos tornamos incapazes de lucidez).

No entanto, se estivermos de facto submetidos a uma realidade demente, e lhe respondermos com uma criatividade igualmente demente, o que estamos a criar, por via da resignação, é um perigoso colaboracionismo entre o Intelectual e o Príncipe.

Sem comentários: