terça-feira, outubro 21, 2008

Fictionary

Tanto a ficção como o documentário são ficções. A diferença é que a ficção tenta reconstruir a realidade (mesmo que seja a realidade da fantasia) enquanto o documentário tenta não a reconstruir. Mas não passa disso mesmo: de tentativas, de esforços tendenciosos. Pois, na ficção, o real oferece-se ao espectador como uma vibração (sensual ou agressiva) que denuncia a justeza da dimensão ficcional (ver os filmes de Straub/Huillet), e no documentário, o olhar do cineasta só não é tirano quando humildemente assume a sua própria subjectividade.



2 comentários:

Amet disse...

Bem, a tua escrita cada vez está mais acutilante.
And i looooooove it.

pedroludgero disse...

Obrigado, és um tipo gentil.