quinta-feira, maio 03, 2007

Pragmatismo

Não me considero um indivíduo optimista. Nada, nada mesmo. Mas como não encontro nenhuma utilidade no pessimismo, tento manter a minha esperança em níveis aceitáveis de combatividade.

Sem comentários: